segunda-feira, 25 de maio de 2009

Review de LotS 1x22 "Reckoning"


Neste poderoso primeiro final de temporada, o plano de Richard para matar Rahl dá horrivelmente errado, deixando Kahlan nas garras do terrível tirano.

Reckoning foi simplesmente a melhor season finale que eu já vi! Todas as tramas se juntaram de forma impecável (exceto por uma, que eu comento logo abaixo), e, para não perder nenhum detalhe do episódio, hoje eu farei um review diferente, para analisar cada uma das tramas que construíram esse fantástico episódio.

[ATENÇÃO: O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS PARA QUEM AINDA NÃO VIU O EPISÓDIO]

Manifestação de Poder
Todas as tramas do episódio começaram a partir de uma cena em particular: Kahlan é convencida por Zedd a confessar Richard para que ele não seja dominado pelo poder de Orden. Porém, bem na hora H, várias Mord-Siths aparecem para acabar com a festa, e uma delas, Cara, logo após matar Zedd com seu próprio Fogo de Mago, ataca Richard com o Agiel. Como conseqüência, uma grande magia se manifesta, fazendo com que Richard e Cara desapareçam. Darken Rahl então aparece, levando Kahlan consigo.

Orden, Confissão e Agiel
Kahlan é mantida prisioneira ao lado da feiticeira Shota, que lhe revela um segredo perturbador: a explosão de magia enviou Richard para o futuro, e a única forma de fazê-lo retornar é se uma nova junção dos poderes de Orden, Confissão e Agiel acontecer (ahei esse lance uma das maiores sacadas do episódios). Porém, como avisá-lo disso? E como unir tais poderes se não haverá mais Confessoras no futuro? Kahlan então tem um inusitado plano, e aceita o pedido de Rahl em se tornar sua rainha.

Perdido no futuro
No futuro, Richard e Cara descobrem um mundo dominado por um novo Lorde Rahl, filho do primeiro, que espalhou o terror e exterminou todas as Confessoras e as Mord-Siths. Cara então é convencida a ajudar o Seeker em sua missão de destruir Rahl, e parte com Richard para matar o novo tirano.

O filho de Rahl
Kahlan fica grávida de Darken Rahl, e planeja usar sua filha Confessora para ajudar o Seeker a retornar para o presente. Porém, a tal criança nasce menino, e começa a manifestar uma crueldade enorme. Kahlan, desesperada, planeja matar o próprio filho, mas vê seu plano falhar e é morta. Logo, descobrimos o quão infinita é a maldade do jovem Nicholas, que mata o pai durante o velório da mãe e assume seu trono.

Mudando o futuro
Ainda no futuro, Richard e Cara encontram Shota, mais velha, que revela o segredo de seu retorno ao presente. Logo, Richard bola um plano, e a feiticeira vai ao encontro de Nicholas, sendo confessada por ele e revelando todo o plano. Mesmo assim, o tirano vai atrás do Seeker. Richard manifesta o poder de Orden e é confessado pelo rei, e Cara aparece do nada e toca o Seeker com seu Agiel. Logo, ambos estão no presente, no exato momento em que as Mord-Siths apareceram, e Cara, para mudar o terrível futuro, se volta contra suas companheiras. Darken Rahl aparece, e ataca as caixas de Orden com a Espada da Verdade, mas um grande poder se revela e o tirano morre, em chamas.

Tudo está bem quando acaba bem
Richard, Kahlan e Zedd estão a salvo. O Seeker cumpriu sua missão, mas o perigo ainda não acabou. Uma nova era está começando para o Seeker e seus companheiros.

Comentários gerais
Ao todo, o episódio foi ótimo, teve uma história simplesmente genial, efeitos maravilhosos e um fechamento digno para (quase) todas as tramas. Na minha opinião, brincar com o futuro é sempre uma tarefa arriscada (“Heroes” que o diga), mas os roteiristas Ken Biller e Stephen Tolkin conseguiram realizá-la com sucesso, ao mesclar cenas do presente com cenas do futuro e fazer com que elas fossem ganhando sentido aos poucos.

Ponto alto
A cena da morte de Rahl me fez sentir calafrios. Eu realmente esperava uma grande batalha entre ele e Richard (assim como 100% dos fãs da série), mas, da forma como tudo ocorreu, o final foi até legal. E ver o cadáver do rei todo esturricado no chão foi de arrepiar!

Ponto baixo
Como eu já disse, todas as tramas foram muito bem fechadas, exceto uma: o parentesco entre Richard e Rahl. No episódio passado, Fever, o rei diz a Jennsen que os três são irmãos, filhos do antigo rei Panis Rahl, mas não ficou bem claro se era verdade ou só parte do plano do vilão para convencer Jennsen de que Richard era o vilão. Eu (assim como 100% dos fãs da série) esperava que isso fosse resolvido no final, mas não foi nem mencionado. E agora que Rahl está (aparentemente) morto, quero ver como isso será resolvido...

Nota: 10 (tudo bem, eu desconsiderei o ponto baixo...)

E você, o que achou de Reckoning? Sem dúvida o episódio dividiu opiniões... Comente.

14 comentários:

disse...

Nossa Caio, Review perfeita!

Essa SF foi fantástica!
Uma trama muito bem desenvolvida.
A direção foi ótima.
A atuação dos atores perfeita.
A fotografia belíssima.
Os efeitos fantáticos.

Ah eu amei a forma como eles demonstraram o amor que sentiam um pelo outro. Ela se sacrificando casando com o repugnante Rahl, e ele lutando contra o tempo e muita inteligência pra voltar e reviver sua amada.
E vou voltar a exaltar a direção.
A dor da perda dos dois foi colocada de uma forma tão singela. Sem aquele apelo dramático.
Ah aquela lágrima do Richard quando ele descobre que a Kahlan tá morta, eu chorei junto com ele. E ela amargurada, sofrendo, mas com uma força fora do comum capaz de emanar todo seu amor através do tempo, na esperança do retorno do seu grande Amor!

Meu Deus e que filho horrendo. Também filho de quem era, só podia dá naquilo mesmo. Assustador!!!

Caio se vc. ainda não sabe e me permite dizer, como o Rahl volta e como o Richard fica sabendo que ele é filho dele...eu te conto.
Mas isso não quer dizer que vá acontecer na 2a. temporada.
Só pra esclarecer o fato de não ter sido revelado nada na 1a temporada.

E por fim, queria dizer muito Obrigada por todas as informações colocadas por vc. nesse blogger. Fico feliz de ter participado um pouco comentando de cada episódio junto com vc. e outros seekers que infelizmente não eram tão assíduos como gostaria que tivesse sido. Mas foi ótimo.

E que venha logo a 2a. temporada.
Já tô morrendo de saudade!

Glauco disse...

Pelo trailer, espera mais...
Eu gostei do enredo, mas ao mesmo tempo faltou alguma coisa que me desapontou.
Ainda não li o livro, mas vou ler, quero saber o que há de verdadeiro neste final.

Espero que a segunda temporada continue com o mesmo ritmo e se possivel melhore.

Murilo disse...

Eu achei esse episódio um pouco mais sangrento que os outros.
Nunca tinha visto resquícios de sangue nas armas, nem sangue escorrendo de mulheres degoladas. Isso sem contar a morte violenta do Darken Rahl do futuro.

Caio disse...

Amo ver o sangue jorrando... sou fã do Tim Burton.

Quanto à morte da moça, tomei o maior susto. Foi totalmente inesperada.

Kravler disse...

Para quem não sabe, Darken Rahl é o pai de Richard Cypher.

Aconselho à todos ler o livro, são no total uma série com 11 livros, mas apenas o primeiro foi traduzido para o portugues: "A primeira regra do mago" de Terry Goodkind.

Quem ler vai ver que a história no seriado foi MUITO modificada, mas os personagens e ambientes são PERFEITAMENTE fiel ao livro.

Mas no final das contas, o livro dá de 10 a 0 na série, aconselho muito à todos lerem.

Abraços. Muito bom seu site sobre a série.

Caio disse...

Conselho dado, Kravler.

E obrigado pelos elogios. Continue comentando...

chapter zero disse...

caraio o o cara é pai do seeker?Queria não ter lido essa informação!

Diego disse...

Me dei muito bem com a serie quando lançaram, começei a ver junto da TV logo no segundo episodio (tive que baixar o piloto), e me identifiquei MUITO com ela... curti pacas. Não sei se é pelo fato de ser do mesmo criador de Hercules ou pelo fato de ser Medieval, sou um fã nesse aspecto.

Eu gostei do final da serie, mas como vc disse, achei que ia ter uma luta do Richard vs Rahl, que acabou não tendo.

Como citaram tambem teve muuuito mais sangue nesse ep, e pra mim foi de bom agrado auhshas.

Sobre o que vc disse do Rahl e Cypher serem irmãos, acho que foi só parte do plano mesmo, pra enganar a irma do Richard.
Agora essa info do Rahl ser pai do Richard, ouch!

Primeira vez que entro no blog aqui, vou ver se fico um pouco mais ativo quando a 2a temp começar.

Até mais e abraço...

Caio disse...

Então, seja bem-indo ao blog, Diego.

Quando ao spoiler citado, só um aviso: quando quiser colocar algum spoiler nos comentários pessoal, tudo bem, mas coloquem um aviso antes, ok?

Afinal, tem um monte de gente que não curte spoilers - eu, particularmente, adoro!

Lucas disse...

Caio, você podia fazer um post no blog falando sobre o livro.

Eu sou o Kravler ali em cima, essa é outra conta.

Seria bom, já que várias pessoas frequentam esse blog, para a divulgação do livro, e quem sabe assim, a Rocco não continua a tradução da série.

E me desculpa pelo spoiler =/


Abraços.

Caio disse...

Boa idéia, Lucas/Kravler. Estarei trazendo esse post em breve...

Ah, e você está desculpado só de ter dado uma idéia tão bacana (rsrsrsrsrs...)

disse...

Eita que ta chovendo de comentários!!!

Que Maravilha!!

Caio disse...

Bota maravilha nisso, Zê. Sabia que essa season finale ia dar o que falar...

disse...

Amei a idéia do Lucas!!